Revista

Técnica de enfermagem é ganhadora de prêmio da ação promovida pelos colaboradores

 

 

A ação entre amigos realizada pelos colaboradores da Santa Casa de Misericórdia de Santa Cruz do Rio Pardo resultou na arrecadação de R$ 2.375,00. O valor será utilizado para compra de geladeira e fogão a serem utilizados no refeitório dos funcionários.

O sorteio do relógio masculino aconteceu no último sábado (22). A ganhadora foi a técnica em enfermagem, Ana Paula Cândido. “É a primeira vez que sou sorteada em algo, fiquei muito feliz em ajudar e ainda levar o prêmio”, diz.

A direção do hospital agradece ao empenho dos trabalhadores para a venda dos números. “Foi gratificante ver o esforço de todos para arrecadar recurso para a compra dos itens para completar o refeitório, tendo em vista as dificuldades financeiras do hospital, atos como estes fazem a diferença”, fala a administradora Andreia Laudácio.

O refeitório dos colaboradores da Santa Casa ganhou novo espaço, em agosto. A intenção é proporcionar maior conforto aos funcionários do hospital, que necessitam fazer as refeições no trabalho.

O local recebeu 13 novos conjuntos de mesas e cadeiras e bebedouro.

A mudança também impactou em melhorias no armazenamento de medicamentos e outros materiais, pois o antigo refeitório está sendo utilizado como almoxarifado.

Outra intervenção visando a adequação do ambiente de trabalho dos funcionários é a reforma dos vestiários, em andamento. Foram adquiridos dez armários que devem ser instalados após a conclusão de demais melhorias, no momento está em execução o conserto das calhas. Também foram providenciadas as seguintes benfeitorias boxes, sanitários, chuveiro, boxes e pia. 

PROJETO

Os armários ao custo de R$ 11.600 foram comprados com recurso enviado ao hospital pelo judiciário, após credenciamento para recebimento de valores oriundos de penas de prestação pecuniárias. Em Santa Cruz, sete entidades foram beneficiadas com o recurso.

A conclusão destas obras e outros itens que devem ser colocados em prática, atende a NR (Normal Regulamentadora)32, exigida pelo Ministério do Trabalho. A Santa Casa, inclusive, já foi multada pelo descumprimento da regra e através de acordo com o órgão tenta colocar em prática as adaptações solicitadas.

 

 

 

AME Ourinhos destaca programas de prevenção de saúde da mulher e do homem

VER NOTÍCIA

Covid-19: sete internações só no final de semana em Santa Cruz

VER NOTÍCIA

Covid-19 em Santa Cruz: 808 casos positivos e 786 pessoas curadas

VER NOTÍCIA