Entretenimento

Peça Feijão e Maria trabalha respeito às diferenças e sustentabilidade

 

 

Crianças do Educandário participam da abertura da peça

A tarde de domingo (18) foi de teatro infantil, no Palácio da Cultura Umberto Magnani Netto. Crianças e familiares assistiram à peça Feijão e Maria, dirigida por Fernando Araujo. A peça que mistura teatro, circo e música, brinca com as famosas histórias clássicas de “João e Maria” e de “João e o Pé de Feijão”, formando a partir da essência dos contos, uma história atual que transmita valores sustentáveis, respeito às diferenças individuais sociais e raciais de cada pessoa.

O público interagiu com os atores João e Maria, principalmente no momento em que a personagem, ‘Bruxa Toxila’ tentava destruir o planeta, começando com o descarte de lixo na natureza. 

A sustentabilidade está implícita até mesmo no cenário que conta com 500 garrafas pets, utilizadas na composição da floresta.

Um dos pontos altos do espetáculo foi a abertura que contou com a participação de sete adolescentes do Educandário O Lar da Criança.

Para atuar, os jovens participaram entre sexta-feira e sábado de uma Oficina de Teatro, promovida na sede do próprio Lar.

Durante as aulas, os jovens atores fizeram dinâmicas relacionadas à concentração, foco, voz e espaço, necessários para o teatro. Os adolescentes também mantiveram contato direto com os atores, conhecendo os bastidores de uma peça.

“Para eles foi uma maneira de serem vistos, jamais se imaginariam em um palco do teatro, mas o mais importante está na autoestima proporcionada a estes adolescentes, além de uma oportunidade de serem protagonistas das próprias vidas. Também observamos a redução da timidez e maior autonomia”, analisou a psicóloga da instituição, Vânia Portezan.

PEÇA

No elenco, os integrantes da Cia Alvo: Tânia Leite, Luana Chacon, Thais Casemiro e Letícia Teixeira – dividem o palco com os atores convidados: Simone Ancelmo, Vitor Bassoli, Alessandra Ribeiro e a artista circense: Simone Politi. O diretor de produção é Fabiano Moreira.

A peça Feijão e Maria é produzida através do ProAC (Programa de Ação Cultural), que possibilita a utilização dos repasses de ICMS das empresas para projetos. Apoiam a peça as empresas, Guacira Alimentos, Special Dog e Hidroceres.

 

 

Segunda live do Curto Circuito Digital terá reprise do concerto de Santa Cruz

VER NOTÍCIA

Live que abre o Curto Circuito Digital será nesta quarta-feira (14)

VER NOTÍCIA

Projeto Orquestra de Câmara Santa Cruz retoma aulas

VER NOTÍCIA