Policial

Cautela e revisão periódica garantem mais segurança para as viagens

 

 

Em período de imprevisibilidade das chuvas de verão motorista deve estar com a manutenção veicular em dia

 

Quem aproveita o verão para sair de férias, precisa redobrar a atenção ao volante. Na estação ocorre o aumento das águas e o motorista deve estar atento caso se depare com chuva na estrada. Respeitar os limites de velocidade, de visibilidade e estar em dia com a revisão de acessórios de segurança como as palhetas e lanternas aumenta a segurança e podem evitam contratempos durante a viagem alerta a CART- Concessionária Auto Raposo Tavares.

 

Mesmo que o condutor não veja, a água da chuva se mistura com partes de terra, areia e óleo que ficam em excesso sobre o asfalto da rodovia. Essa mistura, normalmente, acontece nos primeiros 15 minutos de chuva e pode afetar a aderência dos pneus ao pavimento, deixando o percurso escorregadio.

 

Para aumentar a segurança ao volante, a CART recomenda  reduzir a velocidade e redobrar a atenção. “A redução da velocidade é a primeira dica porque faz com que o condutor se acostume com as novas condições da via e permite que o pneu tenha mais contato com o pavimento, reduzindo os riscos de acidente. Mas assim que as primeiras gotas de chuva começam a cair, o motorista deve aumentar sua atenção sobre os outros veículos também”, reforça o coordenador de Saúde e Segurança do Trabalho da CART, Nivaldo Bautz.

 

Além disso, a pista molhada aumenta o tempo de frenagem, por isso é preciso manter distância do veículo à frente para reduzir as chances de uma colisão traseira e  evitar parar no acostamento sem necessidade. Aos motociclistas, a orientação extra é trafegar pelo centro da pista para ser visto com mais facilidade.

 

Olhos na rodovia

Para-brisa embaçado é um imprevisto bastante comum sob chuva. Nesse caso, o sistema de ventilação interna do veículo  – ar condicionado e ar quente –  é um aliado rápido para recorrer. No entanto, ele deve permanecer ligado até que a chuva passe, caso contrário a umidade permanece e o vidro volta a embaçar, outros pontos importantes são as condições de limpeza e risco no para-brisa que prejudicam – e muito –  a visibilidade.


De Presidente Epitácio a Bauru, os usuários do Corredor CART contam com itens que facilitam a visibilidade diante das chuvas, como os 33 mil balizadores refletivos que potencializam a orientação pela faixa de rolamento. A Concessionária ainda equipou o trecho com tachas delineadoras posicionadas no meio e nas laterais da rodovia para indicar a largura da pista; placas refletivas para sinalizar trecho em obras, informações educativas e regulamentações; faixa de sinalização horizontal, que constantemente tem a pintura reforçada e os Painéis de Mensagem Variáveis para informar sobre tráfego e condições da via.

Mas, caso você o motorista perceba que a visibilidade está comprometida, é melhor esperar nos postos da Polícia Militar Rodoviária ou em uma das 12 bases de apoio SAUs- Serviço de Atendimento ao Usuário, que funcionam 24h e oferecem uma infraestrutura completa com água, fraldário, sanitário e o sistema  CARTAtende!, com informações em tempo real das condições da via.

 

Boa viagem!

Antes de qualquer viagem, a CART aconselha a revisão veicular e ressalta alguns itens para ficar de olho antes de enfrentar chuvas pelo caminho. “Primeiro, o motorista deve verificar o funcionamento das lanternas, luz de freio e pisca-alerta. Em seguida, as palhetas do limpador, os freios e as condições dos pneus, já que pneus “carecas” aumentam o risco de acidente, além de ser infração de trânsito. Para os caminhoneiros, as faixas refletivas também são essenciais para aumentar sua visibilidade”, indica Nivaldo.

 

A CART, uma empresa Invepar Rodovias, administra o Corredor CART, que é formado pela SP-225 João Baptista Cabral Rennó, SP-327 Orlando Quagliato e SP-270 Raposo Tavares, no total de 834 quilômetros entre Presidente Epitácio e Bauru, sendo 444 no eixo principal e 390 quilômetros de vicinais. A concessionária está inserida no Programa de Concessões Rodoviárias do Governo do Estado de São Paulo, fiscalizado e regulamentado pela ARTESP – Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo.

DEMUTRAN pede atenção aos motoristas em obras no bairro da Estação

VER NOTÍCIA

Ligação da rua Farmacêutico Alziro Souza Santos será liberada nesta segunda-feira (20)

VER NOTÍCIA

Departamento de trânsito divulga ruas proibidas de estacionar durante o Rock Rio Pardo

VER NOTÍCIA