Região

Servidores Municipais de Ourinhos dão prosseguimento à Greve

 

 

Paralisação continua, porém Poder Executivo não reabre as negociações

 

Assessoria Sindicato Servidores

 

Em mais um dia de luta, os Servidores Municipais de Ourinhos provaram que a Greve é persistente. Presentes em frente à Prefeitura Municipal desde as 7 horas da manhã, Servidores e Sindicato reivindicaram pela presença do Prefeito e um novo parecer sobre as negociações, que por parte do Poder Executivo ainda não foram retomadas.

          O ato durou por toda a manhã, estendendo-se até as três horas da tarde, quando os servidores caminharam em direção ao SINSERPO – Sindicato dos Servidores Públicos Municipais e Autárquicos de Ourinhos e Região – para a realização de Assembleia de organização do ato.

          Na Assembleia, os Servidores decidiram pela continuidade do Movimento Paredista e, também, por uma manifestação na Praça Mello, Peixoto, terça-feira, 4, às 8 horas da manhã, a fim de mostrar aos cidadãos Ourinhenses que o Servidor está apenas cobrando tudo o que lhe fora prometido em campanha eleitoral. Além disso, os Servidores querem mostrar seu enorme respeito pela população a quem se dedicam todos os dias.

          Em respeito a todos os Servidores Municipais que merecem ter seu trabalho reconhecido e valorizado, a greve continua. O SINSERPO vem cumprindo com todos os tramites legais do Movimento Paredista, por isso continua a espera de convocação por parte do Poder Executivo para a reabertura das negociações. Os Servidores de Ourinhos esperam há muitos anos por uma valorização digna e que não seja apenas uma promessa de campanha.

 

 

“Otacílio, vou ser o deputado que mais mandou verbas para Sta Cruz na história” diz Augusto

VER NOTÍCIA

“O Capitão Augusto não mandou um centavo para saúde de Sta Cruz este ano” diz Dr. Otacílio

VER NOTÍCIA

Prefeito retira ambulância de Caporanga, volta a criticar imprensa e “”grupo político”

VER NOTÍCIA