Revista

Idoso deve ser estimulado com responsabilidade e técnica

 

 

Sair da condição de abatimento para uma rotina mais ativa é um grande passo na recuperação do paciente, mas essa evolução deve ser acompanhada por um profissional

 

Reação. É isso que a família mais espera de um idoso que, por algum motivo, fica temporariamente acamado ou com limitações de movimento.  Porém, esse tempo de recuperação, às vezes, não é no mesmo período que a família deseja.

A ansiedade dos familiares e do próprio paciente pode fazer com que essa recuperação seja apressada e com consequências graves ao acamado, que acabam retardando ainda mais o processo. A volta à rotina, com autonomia total ou parcial para andar, tomar banho, se alimentar, se exercitar, depende de alguns fatores, por exemplo, se a doença atingiu a pessoa física ou psicologicamente e em qual extensão.

Se a pressa atrapalha, o marasmo também. Quem explica é a gerente de enfermagem da AleNeto Enfermagem, de Santa Cruz do Rio Pardo. “Muitas vezes, o cansaço, o desânimo e a desinformação fazem com que a família não estimule o idoso a voltar, no tempo certo, às suas atividades. O idoso, muitas vezes com o quadro de depressão, não pede ajuda e a família se acomoda ao vê-lo em uma cama ou na poltrona da sala, prostrado.”

Nos dois casos, para cadenciar o retorno à rotina ou evitar o abatimento profundo e a aceitação do estado de acamado, é necessária a presença de profissionais da enfermagem, da fisioterapia e da medicina.

“O tempo certo de recuperação passa por um crivo profissional. Nem apressado e nem demorado. Só os profissionais de saúde podem fazer o acompanhamento corretamente. Já tivemos casos de pacientes que a família tinha certeza que nunca mais voltaria a andar sem ajuda e se acomodou com isso. Com alguns meses de trabalho especializado, ele já estava dando os primeiros passos sem auxílio”, lembra Nayara Moreno.

A AleNeto Enfermagem presta atendimento domiciliar em Santa Cruz do Rio Pardo e região. Para conhecer mais, ligue (14) 3372-0631 e no telefone de plantão 24 horas (14) 99747-0154.

 

 

“Em alguns lugares as empresas de Home Care estão suprindo os planos de saúde” diz empresário

VER NOTÍCIA

Hospital leva pacientes de UTI para banho de sol

VER NOTÍCIA

Profissional dá dicas para clareamento dentário

VER NOTÍCIA