Política

Capitão Augusto rompe com Otacílio e articula novas alianças em Santa Cruz

“A população não esta sabendo sobre o que temos feito por Santa Cruz nos últimos três anos [..] Vou fazer uma nova aposta em termos de grupo político, preciso de pessoas que realmente nos ajudem na cidade.”, declarou o deputado federal.

foto: Carol Leme

O deputado federal (PR) Capitão Augusto promoveu um encontro na tarde desta segunda-feira (20) em Santa Cruz do Rio Pardo no qual deixou claro o “racha” entre ele e o prefeito Otacílio Parras Assis (PSB). A principal queixa do parlamentar é de que Otacílio não tem divulgado as emendas destinadas por ele – Capitão – à Santa Cruz nos últimos três anos. Segundo Augusto, os valores ultrapassam R$ 2,2 milhões – “algo em torno de R$ 5 mil para cada um dos 482 eleitores que tive cidade”, fez questão de frisar. “Em Ourinhos, meu principal reduto eleitoral, essa média é de R$ 600,00 por voto”, completou.  

O deputado também anunciou que esta articulando um “novo grupo político” na cidade, que deve apoiá-lo nas eleições do ano que vem e, consequentemente, receber seu apoio para o pleito municipal em 2020. “Há uma palavra fundamental na política que se chama gratidão. Preciso de pessoas que realmente nos ajudem e mostrem nosso trabalho para a população”, declarou. Participaram da reunião figuras ligadas à oposição, como os vereadores Murilo Sala (SD) e Edivaldo Godoy (DEM). Os edis também aproveitaram a oportunidade para realizar pedidos de verba para entidades de Santa Cruz.

 

Em busca de um “novo grupo político”: da esq para a dir, o ex vereador Souza Neto, vereador Edivaldo Godoy, Capitão Augusto, o vereador Murilo Costa Sala e Mauricio Serra Bianchi.  foto: Carol Leme

 

O deputado concedeu uma entrevista coletiva, na qual falou ainda sobre a disputa presidencial em 2018. Ele reafirmou seu apoio a Jair Bolsonaro (PSC) e disse que recebeu convites para integrar a chapa do candidato como vice.

Ouça a entrevista: