Policial

Caminhoneiro tenta furar bloqueio e atropela santa-cruzense

 

 

O caminhão ficou bastante danificado, e o motorista foi parar na delegacia.

 

A manifestação dos caminhoneiros continua por todo país, e em Santa Cruz do Rio Pardo não é diferente, o foco mais forte é no Posto Paloma, onde centenas de caminhões estão parados desde última terça-feira.

E foi neste local onde hoje a imprudência de um motorista de caminhão quase ocasionou uma tragédia. Um caminhão placas de Guarulhos estava sentido capital interior, e ao se aproximar do Paloma foi dado sinal pelos manifestantes para ele parar, porém ele não obedeceu e ainda atropelou um motorista, funcionário da São João Alimentos, que participava do movimento.

“Pedimos para o caminhão parar, ele fez que ia parar, mas de repente acelerou o veiculo e acabou atropelando um companheiro” disse um dos caminhoneiros que acompanhou o acidente. A testemunha continuou “Jogamos pneus e então ele parou, já nosso amigo bateu a cabeça da mureta de proteção, mas graças a Deus a informação que temos é que ele não corre risco”.

A vitima é funcionário da Pateko, se chama José Aparecido Cordeiro conhecido por Zezão, e seu estado de saúde inspira cuidados, ele está na UTI da Santa Casa e nas próximas horas será transferido para Ourinhos.

Porém a reportagem SCN apurou que além de pneus, os manifestantes jogaram pedras do para-brisas do veiculo, e o condutor conseguiu chegar até a base da Policia Militar Rodoviária onde foi detido e conduzido para a Central de Policia Judiciária em Santa Cruz, onde foi ouvido e liberado.

O caminhão foi rebocado pela Concessionária Auto Raposo Tavares (Cart).

Manifestação

O incidente deste tarde não esfriou os ânimos dos manifestantes, e eles prometem continuar no Paloma, e ainda ganharam o reforço dos agricultores que levaram algumas máquinas para o local.

Essas máquinas estavam no trevo de acesso ao Distrito Industrial em Santa Cruz, porém ontem a Cart conseguiu uma liminar para tirar as máquinas do local.

Os agricultores acataram a decisão, mas não ficaram nada satisfeitos com a situação, e pensaram inclusive em trazer as máquinas para frente do Fórum em Santa Cruz.

Entretanto, com mais calma os lideres se reuniram e resolveram levar as máquinas para o Posto Paloma.

Solidariedade

A população santa-cruzense continua mostrando o seu apoio ao manifesto, e continua fazendo doações de alimentos e água. Apesar da ajuda está sendo muito boa, ainda existe a necessidade de mais doações, pois a cada dia que passa aumenta o número de caminhoneiros e manifestantes nas rodovias da região.

 

 

 

 

PM prende “Rato”, autor de vários furtos nos últimos dias em Santa Cruz

VER NOTÍCIA

Enquanto família dormia, casa é invadida durante a madrugada na Vila Fabiano

VER NOTÍCIA

Casa de aposentado na Vila Fabiano é furtada enquanto ele dormia

VER NOTÍCIA