Saúde

UTI Neonatal é ampliada e funciona com dez leitos

 

 

Foi finalizada no final de janeiro a reforma da UTI Neonatal, na Santa Casa de Misericórdia de Santa Cruz do Rio Pardo.

Com a obra a UTI que funciona como referência no atendimento aos recém-nascidos, no Estado, passou de seis para dez leitos.

Com isso o Hospital pleiteará o credenciamento junto ao SUS e poderá obter mais recursos para manutenção da unidade. 

A reforma também assegura maior conforto aos pais que visitam seus filhos na unidade, assim como para os colaboradores que atuam no local.

A UTI Semi Intensiva que até então funcionava em um espaço separado da Neonatal passou a funcionar mais próxima. A obra teve o investimento de R$ 500 mil.

“A melhoria na estrutura do hospital se faz necessária em diversos setores, mesmo diante de tantas dificuldades financeiras entregamos esta melhoria para o hospital”, disse o assessor de direção André Luis Camargo Mello.

A UTI Neonatal foi inaugurada em 2007 o setor já foi responsável por salvar milhares de vidas.

São atendidas na UTI crianças entre 0 e 28 dias. O atendimento é voltado aos prematuros, portadores de síndromes, além de complicações da gestação. No entanto, não apenas prematuros apresentam os sintomas, pois os bebês maiores podem ter hipoglicemia ou desconforto respiratório.

Na UTI Neonatal os bebês recebem medicação e nutrição pela veia. A UTI conta com equipamentos de última geração

O setor é apoiado pela Associação Infanto Juvenil Maria Vitória, criada em 2003, após a morte do bebê Maria Vitória, depois de 48 horas de vida, em decorrência da falta de medicação para manter o coração em funcionamento e ausência de vagas em UTIs Neonatais na região.

OBRAS

A UTI Adulto também deverá ter o número de leitos ampliado de sete para dez, desta forma o hospital poderá se tornar estratégico dentro do Programa Santas Casa Sustentáveis.

Outro setor que receberá melhorias em 2019, será o Centro Cirúrgico. Serão investidos R$ 700 mil.

 

 

Covid-19: sete internações só no final de semana em Santa Cruz

VER NOTÍCIA

Covid-19 em Santa Cruz: 808 casos positivos e 786 pessoas curadas

VER NOTÍCIA

Depois de três meses Santa Cruz registra caso positivo de dengue

VER NOTÍCIA