Revista

Prefeitura de Santa Cruz lança campanha contra o uso de canudinhos

 

 

A Prefeitura de Santa Cruz do Rio Pardo está lançando uma campanha contra o uso de canudos plásticos em estabelecimentos comerciais do município.

A campanha tem como objetivo conscientizar a respeito do estrago que os canudinhos causam ao meio ambiente, inclusive na própria cidade, já que o processo de decomposição natural pode levar até 400 anos. A ideia é incentivar estabelecimentos e a própria população a trocar o canudinho de plástico por materiais recicláveis como inox e papelão, ou que simplesmente não o usem.

Já está sendo elaborada pela Secretaria de Assuntos Jurídicos a lei prevendo punição para comerciantes que fornecerem canudinhos. O objetivo é proibir que restaurantes, bares, clubes, padarias e lanchonetes atuem com o material.

Por ora não existe punição, no entanto, a campanha se mostra essencial para educar a população a respeito de assuntos importantes como a poluição do meio ambiente e o descarte correto de plásticos.

Os canudinhos fazem parte de uma categoria chamada plásticos de uso único. São usados por apenas poucos minutos, mas permanecem por até vários séculos no meio ambiente. A maioria dos plásticos acabam indo parar nos mares e em rios, prejudicando todo o ecossistema presente.

A Agenda 2030 da Organização das Nações Unidas (ONU), afirma que devemos ter uma gestão eficiente de resíduos e tornar cidades mais sustentáveis. De uso individual e efêmero, o canudo plástico é um dos problemas ecológicos contemporâneos mais urgentes. Se cada brasileiro usar um canudo plástico por dia, em um ano terão sido consumidos 75.219.722.680 (bilhões) canudos. Deixar de utilizar o canudinho pode parecer uma atitude pequena, mas que faz uma diferença enorme no final. Pense no amanhã, beba sem canudo hoje.

 

 

Escola Genésio Boamorte conquista ótimos resultados no programa “Inova Educação”

VER NOTÍCIA

Santa Cruz terá Fundação Municipal de Ensino “Celso Fleury Moraes”

VER NOTÍCIA

OAPEC ensino superior realizará a palestra “Novas Regras Trabalhistas em Tempos de Crise”

VER NOTÍCIA