Revista

Aumento da safra de arroz eleva expectativa de exportação para 2017

 

 

A estimativa de exportações da indústria de arroz, no Brasil, para o próximo ano é melhor se comparada com 2016, isto porque se espera uma grande safra, com isso os preços brasileiros ficarão mais competitivos.

O otimismo vem de encontro com os números da Abiarroz (Associação Brasileira da Indústria do Arroz). De acordo com a entidade deverão ser gerados US$ 2 milhões em negócios para o arroz brasileiro para os próximos 12 meses.

A empresa Guacira Alimentos está com boa expectativa, tendo em vista que vem se desenvolvendo no mercado externo há três anos. “Em 2016 tínhamos uma expectativa de crescimento acentuado, porém devido ao aumento do preço do arroz, e a valorização do Real, iremos fechar com os mesmos números do ano passado. As boas perspectivas ficam para 2017”, comenta o gerente comercial, Mario Pegorer.

 

feira-miami

Gerente comercial, Mario, representante nos EUA, Mike e gerente de exportações, Bruno, durante feira em Miami

 

Com o objetivo do desenvolvimento de uma rede de contatos para a atuação no mercado externo, representantes da empresa participaram no final de setembro de dois eventos internacionais, a Feira de Alimentação em Miami e Expoalimentaria, no Peru.

“A participação em feiras internacionais é importante para as empresas que atuam no mercado internacional. É um momento importante para os contatos, incluindo os clientes já existentes e potenciais novos clientes, assim como conhecimento com representantes e pessoas que atuam neste setor”, explica Pegorer.

Ambas as feiras, de abrangência internacional, contaram com visitação de pessoas de várias nacionalidades. Essas feiras são voltadas para importadores e distribuidores, que a visitam em busca de novos produtos e fornecedores.  

Apenas em Miami 11 mil pessoas passaram pela feira para mostra de produtos, agenda de seminários e palestras que fizeram parte da programação oficial. Além da GUACIRA, as empresas brasileiras Cooperja e Cooperativa Extremo Sul também participam da Feira.

 

feira-peru

Empresa está se desenvolvendo no mercado externo há três anos

 

 

 

Santa Cruz é a 5ª cidade que mais gera emprego na Citricultura

VER NOTÍCIA

Prejuízo dos produtores de soja na região pode chegar a R$ 100 milhões de reais

VER NOTÍCIA

Para fechar o ano! Cart divulga novos valores das tarifas de pedágio

VER NOTÍCIA