Política

Vereador reclama do serviço prestado pela empresa da Área Azul em Santa Cruz

 

 

O vereador Luiz Antonio Tavares (PSB) apresentou na sessão desta segunda-feira (20), um requerimento questionando o serviço prestado pela empresa da Área Azul de Santa Cruz do Rio Pardo.

No documento Luizão da Onça pede para que o executivo tome providências, pois vários usuários estão reclamando que não encontram funcionários para a compra do cartão.

“Já aconteceu comigo e com minha esposa, e várias pessoas também já vieram reclamar, a gente não encontra os funcionários, vai até uma loja para comprar o cartão e quando volta já tem uma notificação ou multa no carro” disse o vereador.

Luizão completou “Não tem conversa com eles, é muito excesso de poder para os funcionários, e muita negligência da empresa responsável, algo precisa ser feito”.

O vereador Murilo Costa Sala (SD) também falou sobre o assunto “Isso também já aconteceu comigo, você não encontra o funcionário, sai à procura e quando volta se surpreende com a multa ou a notificação, a empresa precisa melhorar isso, se não vale a pena prestar o serviço na cidade não devia ter participado da licitação” comentou Sala.

 

Alessandro Cunha mostra os contratos de convênios com as empresas

 

Outro lado

Alessandro Cunha, gerente administrativo da Cotebrás , não concorda com as criticas dos vereadores.

“Hoje nós temos um número maior de funcionários do que é exigido no contrato com a prefeitura, além disso, nós temos convênio com 39 empresas, então em cada quadra existe no mínimo um ponto de venda do cartão” falou Cunha.

O gerente ainda revelou que os custos são muito altos, e se não fosse isso mesmo não havendo a necessidade a empresa teria condições de contratar mais funcionários “Não existe a necessidade de contratação de mais funcionários, e ainda existe o alto custo de encargos para a contratação, e também o repasse para a prefeitura que não é baixo, se não fosse isso poderíamos contratar mais funcionários, e ainda assim seria só para fazer número, pois tem dias que os que já estão na rua vendem muito pouco”.

Alessandro concluiu “Fica a orientação para as pessoas deixaram dois ou três cartões dentro dos seus veículos, pois caso não encontrar ninguém da área azul naquele momento é só deixar o cartão em branco e logo um funcionário irá preencher”.

 

 

 

Confira as regras para reabertura de bares em Santa Cruz

VER NOTÍCIA

Avança projeto de Ricardo Madalena para liberação de compra de vacinas com recursos das emendas parlamentares

VER NOTÍCIA

Prefeito de Santa Cruz visita Santa Casa de Ipaussu

VER NOTÍCIA