Policial

Direção Perigosa: Vendedor coloca pessoas em risco ao fugir da PM

 

 

A Policia Militar de Santa Cruz do Rio Pardo registrou uma ocorrência de direção perigosa e tentativa de homicídio no final da manhã desta segunda-feira (05). Os PMS realizavam operação de trânsito no bairro da Estação e deram sinal de parada para condutor de um veiculo Kadett, mas o condutor não obedeceu, saiu em alta velocidade e quase atropelou um dos policiais.

O carro foi perseguido por duas viaturas, e não respeitou as placas de sinalização, e ainda passou em alta velocidade em frente de uma creche quando várias pessoas estavam na rua, e só foi parar nas proximidades do recinto de exposições José Rosso (Expopardo).

Ao ser feita a abordagem os policiais encontram três homens dentro do Kadett, e de inicio não queriam obedecer as ordens, sendo necessário o uso de força física para conter o condutor.

O carro estava sendo conduzido por um rapaz (17 anos) morador do Jardim Ypê, e tinha como passageiros o seu pai, aposentado (49 anos), e seu tio (46 anos), deficiente visual e proprietário do Kadett.

O rapaz disse não ter parado pelo fato de não ser habilitado, e não queria que o carro do seu tio fosse apreendido. O pai confirmou a versão e disse por várias vezes ter pedido durante a fuga para o filho parasse o carro, fato confirmado pelo tio.

Todos foram levados para a Centra de Policia Judiciária, e após registro do boletim de ocorrência, o rapaz foi levado para a UPA para exames já que durante a abordagem sofreu lesão nos cotovelos e reclamava de dores na cabeça. Um dos policias também sofreu pequenas escoriações e passou pela UPA.

Como o Kadett tinha algumas irregularidades foi guinchado.

 

 

 

 

Jovem de 22 anos morre em acidente na SP 225

VER NOTÍCIA

Briga por som alto termina em “facãozada” na Vila Divinéia

VER NOTÍCIA

PMR faz apreensão de mais de 250 mil maços de cigarros em Santa Cruz

VER NOTÍCIA