Policial

Dois homens são presos em “roubo armado” contra patrão

 

 

Fonte: Dario Miguel – Radio 104 FM e Diário Cidadão

 

Dois homens foram presos pela Polícia Militar em Santa Cruz do Rio Pardo nesta quinta-feira, 30, após um roubo de R$ 10 mil. Ambos são funcionários da mesma empresa e armaram o assalto: um deles se fez de “vítima” e o outro cometeu o crime, levando o dinheiro que havia sido entregue pelo patrão para o pagamento de uma encomenda em Avaré. Polícias militares descobriram toda a trama e prenderam os envolvidos.

De acordo com a apuração da reportagem, um empresário santa-cruzense, do ramo de perfuração de poços artesianos, contratou um caminhão de frete para buscar equipamentos em Avaré. Junto com o motorista, ele enviou um funcionário da sua empresa, que ficou responsável por levar R$ 9 mil em dinheiro para o pagamento da encomenda.

Nas proximidades de Batista Botelho, distrito do município do Óleo, o tal funcionário pediu para o motorista parar no acostamento pois ele estaria com dor de barriga. O motorista – que não sabia da armação – estacionou o caminhão. Enquanto o funcionário entrava no meio do mato, aproximou-se um automóvel, modelo Monza, de onde desceu um indivíduo dizendo estar armado e anunciando o assalto. De acordo com o relato do motorista, ele parecia inclusive saber quanto dinheiro havia no caminhão e onde estava guardado. Além dos R$ 9 mil da encomenda, o ladrão levou mais R$ 1 mil do caminhoneiro e os aparelhos celulares. Pelo retrovisor, o motorista conseguiu anotar a placa e as características do Monza enquanto o bandido fugia do local.

O roubo foi comunicado para as autoridades da região. A equipe do Sargento Júlio César, juntamente com o Cabo Xavier, da Polícia Militar de Santa Cruz do Rio Pardo, entrou em contato com o empresário que havia contratado o frete para relatar o ocorrido. Quando eles citaram o veículo utilizado no assalto, o empresário disse que um outro funcionário possuía um Monza com as mesmas características. O suspeito teria chegado recentemente da cidade Marília e estava acomodado em uma chácara.

Os policiais foram até a propriedade e encontraram o sujeito. Ao ser questionado, ele acabou caindo em contradições e, por fim, confessou ter praticado o roubo. Mais do que isso, ele disse que tudo foi combinado com o outro funcionário, que estava no caminhão, e sabia exatamente a quantia de dinheiro que o patrão havia lhe entregado.

Os policiais também conseguiram recuperar o telefone celular de um dos envolvidos, onde encontraram a troca de mensagens com todo o planejamento da ação criminosa.

Os dois funcionários, um de 35 e outro de 50 anos de idade, foram presos e encaminhados à Central de Polícia Judiciária de Santa Cruz. Eles são de fora, um natural de Marília e outro de Oscar Bressane. Foram recuperados R$ 9,7 mil, já que o restante o ladrão utilizou para abastecer seu veículo. 

 

PMR prende homem com Skank em Santa Cruz

VER NOTÍCIA

Plácido Lorenzetti só será liberada na sexta-feira, veja imagens exclusivas local do acidente

VER NOTÍCIA

Trevo da Plácido Lorenzetti está interditado após tombamento de caminhão com produtos químicos

VER NOTÍCIA