Educação

ONG Rio Pardo é destaque da edição impressa neste domingo de um dos mais importantes jornais do país

 

 

A ONG Rio Pardo Vivo criada em Santa Cruz do Rio Pardo foi destaque da edição impressa de um dos maiores jornais do país neste domingo (09). O Estado de São Paulo em sua última página de hoje, trás uma matéria enaltecendo o trabalho da ONG.

Intitulado “Com soltura de 3 milhões de peixes, ONG recupera pesca em rio no interior de SP”, o jornal entrevistou Luiz Carlos Cavalchuki (Luizinho da Sabesp), idealizador da ONG e João Paulo Figueira, gerente de Desenvolvimento Sustentável da Special Dog e parceiro da Rio Pardo Vivo.

“Fizemos um levante na época contra um plano de construção de sete hidrelétricas no rio. Foi uma luta muito grande, conseguimos evitar a instalação de quatro barragens” comentou Luizinho sobre o nascimento da Rio Pardo Vivo.

A matéria destaca não só a importância do rio Pardo, mas também como sua beleza natural, atravessando 20 municípios de Botucatu a Ourinhos, abastecendo as populações e indústrias, gerando energia, irrigando culturas agrícolas e fomentando a pesca.

O texto também destaca, como diz o titulo, o repovoamento do rio Pardo com a soltura de mais de três milhões de peixes, como dourados, piaparas, curimbatás, pacu-guaçus, lambaris entre outros.

João Paulo Figueira fala com entusiasmo do projeto “Incentivamos a participação de crianças nesses momentos de soltura do peixes, para que elas se envolvam e cresçam conscientes da preservação”.

 

 

Prefeitura de Santa Cruz realiza mutirão de limpeza, confira o cronograma

VER NOTÍCIA

Santa Cruz é certificado no programa “Município VerdeAzul”

VER NOTÍCIA

Picinin Alimentos reduz a emissão de mais de 668 toneladas de dióxido de carbono

VER NOTÍCIA