Esportes

Um portão quase mata a Santacruzense

 

 

Faltou muito pouco para que a diretoria da Associação Esportiva Santacruzense anunciasse nesta quinta-feira (04), que o time de futebol profissional da cidade estava encerrando suas atividades de forma definitiva.

Tudo isso porque o comando da Policia Militar da cidade, através do Capitão Cassiano, informou ao presidente do clube, Domingos do Carmo, que o estádio Leônidas Camarinha não seria liberado e com isso a Esportiva pelo segundo ano consecutivo ficaria fora do futebol profissional, o que seria o seu fim.

Felizmente uma reunião no gabinete do prefeito de Santa Cruz, Otacílio Parras Assis, com a participação de diretores do clube, comando da PM e Bombeiro, e secretários da prefeitura, uma solução foi encontrada.

O 4 de janeiro que começou com o clube respirando por aparelhos, termina com a noticia de que o destaque de 2016 e artilheiro, Edinan, está de volta ao Tricolor.

Ouça o repórter Claudio Antoniolli e entenda porque um portão quase matou a Santacruzense. 

 

 

 

 

 

 

Confira resultados dos Jogos Santacruzenses

VER NOTÍCIA

Resultados de mais uma rodada dos Jogos Santacruzenses

VER NOTÍCIA

Confira os resultados dos Jogos Santacruzenses

VER NOTÍCIA